Ad


Os Empregos Ricardo Eletro se destacam no mercado de trabalho por causa de seus benefícios. É uma rede varejista brasileira com sede em São Paulo, de propriedade da Máquina de Vendas e controlada pela MV Participações. Foi inaugurada em 1989 por Ricardo Nunes no estado de Minas Gerais. 28 anos depois, a empresa contava com 701 lojas e ao final de 2019 contava com 290 lojas. Atua em 17 estados do Brasil e é líder de vendas em Minas Gerais, onde está localizado seu principal centro de distribuição.

empregos ricardo eletro
Imagem: Ricardo Eletro – Reprodução

Conheça as oportunidades de Empregos Ricardo Eletro

É uma das maiores empresas de varejo do Brasil. A logomarca é a principal marca do Grupo Máquina de Vendas, holding constituída em 2010 pela sua fusão com a rede baiana Insinuante, e posteriormente envolvida na aquisição da Salfer, City Lar e Eletro Shopping.

O modelo de negócios da empresa valoriza as características regionais e as melhores práticas de cada marca iniciada pelo grupo e é uma das maiores redes do setor eletroeletrônico brasileiro. São cerca de 400 filiais em vários estados e no Distrito Federal. A rede conta com aproximadamente 7.000 funcionários diretos.

Como se candidatar

Para enviar o seu currículo para qualquer uma das funções divulgadas, é preciso acessar o site do processo de seleção. Par isso, basta clicar no link abaixo:

Em seguida, encontre o cargo desejado e leia todos os requisitos da vaga com muita atenção para se certificar que ela é correspondente com o seu perfil, uma vez que a maioria delas exige experiência anterior na função, entre outros critérios. Em caso positivo, cadastre-se no site.

Veja também: Atendentes de Restaurantes, Cozinheiro, Assistente Administrativo e mais na Empresa International Meal Company

Registre-se para receber novas oportunidades!

Sobre a Ricardo Eletro

Em 1989, Ricardo Nunes, de 18 anos, inaugurou seu primeiro Ricardo Eletro com uma área de apenas 20 metros quadrados. Nos primeiros dias, a loja só vendia eletrônicos e brinquedos de pelúcia. O empresário abriu filiais onde já tinha concorrentes para encontrar seus clientes. O seu objetivo é vender produtos que abranjam qualquer oferta no Brasil, ferramenta utilizada até hoje. 

Com isso, o empresário abriu filiais novas em Goiás e São Paulo. 21 anos depois, a empresa ingressou na rede de varejo Insinuante, que se estabeleceu no estado da Bahia, e iniciou suas operações, sob a direção da Máquina de Vendas. Hoje em dia, a empresa mais de 300 filiais e 6.000 colaboradores. Em 2016, ela fez o anúncio de que reuniria todas as marcas do grupo em uma só. Com isso, bandeiras como Salfer, Lojas Insinuante, Clique Eletro, City Lar, Eletro Shopping e outras foram desaparecendo gradativamente.

Dois anos depois, a empresa ajuizou ação na Primeira Vara de Falências e Recuperações. No ano seguinte, foi aceito o pedido e a empresa recebeu um pagamento de recuperação de 1,9 bilhão de yuans. A proprietária da empresa é controlada pela MV Participações, que por sua vez é dirigida pelo Fundo de Investimentos em Participações (FIP). Fruto da reestruturação da empresa, o empresário fundador da retalhista com especialidade em eletrodomésticos, e a sua família deixaram de ser acionistas e gestores do grupo.

Leave a Reply

Your email address will not be published.